Assaltante atropela PM depois de tentar roubar taxista e é preso em BH

Assaltante atropela PM depois de tentar roubar taxista e é preso em BH

O roubo a um taxista de 63 anos terminou com a prisão de um assaltante que atropelou um policial militar durante a perseguição nesta manhã de segunda-feira no Bairro São Geraldo, Leste de Belo Horizonte.
Abordado em um ponto de táxi na Rua Olívio de Brito por dois homens, o taxista iniciou a corrida no Bairro Boa Vista, mas foi ameaçado com um objeto semelhante a uma arma de fogo durante o trajeto.
“Eles simularam uma corrida e, quando chegou na Rua Sucuri, encostaram um objeto nas costas do taxista parecido com uma arma e ele deixou o carro praticamente em movimento,” detalhou o tenente Luiz Henrique de Moraes, do 16º Batalhão da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência.
“Eles assumiram a direção e fugiram passando no Bairro Alto Vera Cruz, onde chegaram a bater no carro de um capitão da PM, e não foram detidos. Aí retornaram ao São Geraldo e, quando uma viatura tentou abordá-los, eles jogaram o carro em cima dos militares e um sargento foi atropelado e ficou ferido, mas está em estado estável” detalhou o tenente Luiz Henrique.
O táxi só foi parado na mesma Rua Olívio de Brito, quando o assaltante que conduzia o veículo, um Siena, perdeu o controle da direção e bateu em outros dois carros. Segundo a PM, no momento da abordagem, apenas um assaltante estava no carro.
O outro comparsa que entrou no carro inicialmente foi deixado no Alto Vera Cruz, conforme a PM. Vitor Augusto, de 23 anos, foi preso em flagrante e nenhuma arma foi encontrada com ele.
O taxista não se feriu durante a ocorrência e, além do carro, nenhum pertence foi roubado.
Estado de Minas